Skip to content

quando…

8 de setembro de 2013

“quando a noite toca os teus pulsos

rebentam em ternura as açucenas

e o mais das flores se inclina

para o peito, o ventre, o calor

desta vida que brilha ao sul.

dá-me a tua mão, dizes,

quero ter contigo o relâmpago

que incendeia na terra os cereais

e no coração desperta as romãs.

 

573812

procuro as árvores, pé após pé.

na sombra da tua palavra

busco o derradeiro acordar das estrelas

e demoro-me em silêncio

na interrogação dos planetas.

 89

e quando a noite toca os teus pulsos

dá-se em mim uma vida maior

e das janelas apago os olhares

para ficar a sós contigo

no suspiro da terra que nos inventa”. Vasco Gato

 

55d9d9ee

From → Lunares

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O Outro Lado

Porque o melhor lado é o dentro

Aquarelas e Sonhos

Um espaço para quem tem fases...momentos...vontades...paixão...sonhos...ASAS!

lima verde

Um site onde a alma de uma mulher aflora e despe-se

%d blogueiros gostam disto: